Resenha: Caneta Iuminadora Prep + Prime Radiant Rose da MAC

Entrei na onda de iluminadores a pouco tempo, mais ou menos uns dois anos. E desde então eu tô testando vários produtos para saber qual tipo é melhor para minha pele oleosa. Afinal de contas, depois que você passa a usar iluminador não consegue parar mais.

No curso de maquiagem da MAC que eu fiz há um tempo atrás o maquiador usou a caneta iluminadora e eu gostei tanto que trouxe uma pra casa!

caneta-iluminadora-radiant-rose-mac

Muito fácil de aplicar, pode ser usada tanto como iluminador após a maquiagem, como um corretivo iluminador durante a preparação da pele, ou ainda uma combinação dessas duas maneiras pra intensificar o iluminado.

A caneta está disponível em 4 tons, eu peguei o Radiant Rose que é o segundo da tabela de cores.

resenha-caneta-iluminadora-mac

 Com a caneta iluminadora como corretivo e na ponte do nariz

Versátil, fácil de aplicar, ilumina na quantidade certa e deixa um acabamento natural e maravilhoso. Taí minha descrição do produto (só amores!). Desde que eu comprei usei ele sem parar e ele faz toda a diferença para um bom make.

Paguei R$119,00, a caneta iluminadora vende nas lojas da MAC e na Sephora online. Vale super, viu? :}

Resenha: Caneta Iuminador...

Entrei na onda de iluminadores a pouco tempo, mais ou menos uns dois anos. E desde então eu tô tes...
Leia Mais

Resenha: Base Líquida da Flower – A marca de cosméticos baratinhos da Drew Barrymore

Atriz, diretora, produtora e recentemente a Drew Barrymore virou também empreendedora e fundadora de uma nova marca de cosméticos nos Estados Unido: a Flower. A atriz resolveu criar uma marca de cosméticos boa e barata, para que todo mundo tenha acesso a bons produtos. Por isso a marca é vendida exclusivamente no Walmart e sem nenhum tipo de investimento em propagandas. Afinal de contas apenas a fundadora como garota propaganda já deu uma bela alavancada na marca e ajuda a diminuir o preço dos produtos. Ah, outra coisa legal que é tudo “PROUDLY MADE IN US” (orgulhosamente fabricado nos Estados Unidos).

Assim que minha prima me contou dessa novidade eu pirei e fiquei desejando tudo pra testar. Ela me trouxe a base líquida da marca na cor LF1-1. Essa base está disponível em 14 tons.

base-flower

A base é livre de odor, parabenos e tem vitamina C e E para a prevenção de linhas finas. Embalagem de vidro, válvula pump, tudo muito digno para os R$13,98 investidos.

O legal é que ela seca rápido, espalha bem e dá pra construir camadas se você curtir uma pele bem feita, com alta cobertura. Normalmente eu passo de 2 a 3 pumps e espalho bem com um pincel kabuki pra deixar o acabamento bem natural.

resenha-base-flower copy

Durabilidade não deixou a desejar mas também não impressionou, sabe? Com o passar do dia e do calor infernal foi surgindo aquela oleosidade natural, mas não rolou aquela sensação de derretimento nem de pele pesada.

antes-depois-resenha-base-flower

Sem maquiagem | Apenas com a base | Make completa

Infelizmente a marca só está disponível lá na gringa, mas sempre tem aquela possibilidade de pedir pra alguém trazer e tal. hihihi

Vale muito a pena dar uma conferida no site da marca. A Drew faz alguns vídeos tutoriais bem bacanas. :}

Resenha: Base Líquida da...

Atriz, diretora, produtora e recentemente a Drew Barrymore virou também empreendedora e fundadora d...
Leia Mais

Resenha: CC Cream da Etude House

Mais um produtinho massa pra testar da marca sul-coreana Etude House.

Comprei esse CC Cream numa encomenda na beautynetkorea, junto com outros produtos.

cc-cream-etude-house

Assim como os BB creams da vida o CC cream também promete mil e uma vantagens. Esse aqui da Etude House promete 8: hidratar, proteger, uniformizar o tom, clarear, combater linhas finas entre outros.

Há dois tipos desse CC Cream o silky e o glow. O que diferencia os dois é o acabamento na pele. Um deixa a pele bem mate, com textura aveludada e outro mais radiante e iluminada.

Comprei a versão silky porque achei que ficaria melhor na minha pele oleosa, disfarçaria toda essa oleosidade. Fiquei com medo da glow deixar a pele ainda mais brilhante.

cc_cream_etude_house_silk

Assim como algumas bases no mercado, esse cc cream possui uma única cor, que se adapta a coloração da pele. Ele é um creme branco com algumas partículas de cor que, ao espalhado, misturam-se e fica num tom parecido com o da pele. Na maioria das vezes, eu me adapto bem a esse tipo de tecnologia, mas acho que ele não é feito para peles mais escuras.

A base tem uma cobertura média, mas a fixação dela não é uma das melhores. Fiquei boa parte do dia sentindo que ela estava lá, no meu rosto. Gosto de bases leves, que não deixam a sensação de “máscara” e essa deixou essa sensação. Tentei passar menos produto e essa sensação foi diminuindo, então provavelmente eu que errei na mão algumas vezes. Mas mesmo assim a sensação não sumiu completamente.

antes-e-depois-cc-cream-etude-house

Sem maquiagem | Com o CC Cream | Maquiagem completa

Outro ponto negativo foi a combinação desse cc cream + pele oleosa + calor infernal. A pele não durou nada, em apenas algumas horas já estava bem oleosa. Precisei passar um fluído matificante algumas vezes no dia para dar uma segurada. Acho que o produto se comportaria melhor em pele mais maduras e menos oleosas.

Vou deixar um pouco de lado até o inverno chegar e testar novamente!

Paguei $17,89 aqui (vi que agora tá mais barato!).

Resenha: CC Cream da Etud...

Mais um produtinho massa pra testar da marca sul-coreana Etude House. Comprei esse CC Cream numa enc...
Leia Mais