Selecione uma visualização:

Resenha: Yes to Blueberries Age Refresh Intensive Skin Repair Serum

Tá aí uma marca que eu adoro: Yes to.

yestologo

Para quem não conhece, a marca é bem nova, começou em 2006 nos Estados Unidos e já é uma gigante nos produtos para pele e cabelos. O diferencial da marca são os ingredientes utilizados nos produtos: extratos de frutas e vegetais que faz parte de pelo menos 95% da composição de cada produto. Outra coisa muito, mas muito legal mesmo é que os produtos são livres de crueldade (não fazem testes em animais), derivados do petróleo, parabenos e, o ingrediente que eu mais tento evitar, o Sodium Laureth Sulfate (SLS).

A Yes to tenta colocar o máximo de ingredientes naturais nas fórmulas dos seus produtos e faz muitas coisas bacanas para ajudar o meio ambiente e as crianças a terem uma educação digna e vida saudável.

De acordo com o produto principal na fórmula a Yes to vira Yes to Carrots quando o produto tem componentes da cenoura, Yes to Tomatoes quando o ingrediente principal é o tomate, e assim por diante.

E por gostar muito da marca que quero testar tudo, então comprei o Serum de Reparação Intensiva para a pele da Yes to Blueberries (Yes to Blueberries Age Refresh Intensive Skin Repair Serum).

agerefresh_yestoblueberries

Como próprio nome diz o ingrediente principal do produto é blueberries (mirtílo) e 99% da fórumla é composta por ingredientes naturais (isso me chama muito a atenção).

O Serum promete deixar a pele mais macia, reduzir linhas finas de expressão e deixar a pele mais radiante. É como se ele fosse uma camada de vitamina para usar antes do hidratante. A textura do produto é um gel de textura leve com um cheiro bem suave de mirtílo e, quando aplicado na pele, fica um pouco brilhante mas não grudento. ageresfresh_close

Outro ingrediente é o algodão orgânico que promete rejuvenescer a pele e estimular a produção de colágeno, não percebi nenhuma redução expressiva de linhas, mas o uso do produto não me incomodou.

Para quem gosta de usar produtos naturais, se preocupa com o procedência do produtos e tem alergias a alguns ingredientes (assim como eu), a Yes to é uma marca super recomendada para o uso :}

O Serum custou $19,99, que foi um pouco caro comparado aos outros produtos da marca que costumam ser bem mais acessívei. Infelizmente a Yes to ainda não vende aqui no Brasil #xatiada

Resenha: Yes to Blueberri...

Tá aí uma marca que eu adoro: Yes to. Para quem não conhece, a marca é bem nova, começou em 200...
Leia Mais

Juiz Dredd: Origens – Direto da Estante #1

“Uma encomenda incomum é  entregue no Supremo Tribunal de Justiça, um pacote que forçará Dredd a liderar uma missão dentro da Terra Maldita e penetrar nos mais sombrios recônditos da história dos juízes de Mega-City Um.”

juiz_dredd_capa

Juíz Dredd: Origens” (capa-dura, 196 páginas, R$ 69,90) é uma grata surpresa para quem quer conhecer um pouco mais da história não só de Dredd, mas dos juízes e do sistema de justiça de Mega-City Um em si.

Através de uma jornada épica, os criadores do personagem, John Wagner e Carlos Ezquerra, nos levam de volta no tempo de uma maneira incrivelmente fluida.

Ao invés da história tomar lugar no passado, é o próprio Dredd no presente, quem nos narra os acontecimentos que levaram a derrocada do sistema tradicional de justiça e a ascensão dos juízes, enquanto parte com um grupo de juízes para a terra maldita.

Juíz Dredd: Origens” é praticamente uma road story, daquelas bem violentas, cheia de seres bizarros e reviravoltas.

Tá tudo aqui, e extremamente mastigado. Somos apresentados as origens do criador da justiça imediata, além do que aconteceu para a terra maldita ser do jeito que é, e até a história do próprio Dredd. As curiosidades são entregues uma atrás da outra.

Por fim a história ainda nos leva a questionar (não só o leitor, mas o próprio Dredd) se o sistema extremamente fascista que é a justiça imediata é realmente o menor dos males em um mundo onde a violência parece fazer parte da natureza humana.

O conto introdutório é desenhado por Kev Walker, e mostra como a encomenda que funciona como um gatilho para dar início à jornada chega até o Supremo Tribunal de Justiça. Os desenhos lembram um pouco o traço do criador do HellboyMike Mignola e combinam muito com o clima de conspiração do início do quadrinho.

juiz_dredd_internas2

A segunda parte, é desenhada por Ezquerra, que está demais. O único ponto negativo é o colorido digital, que parece querer dar uma realidade de textura desnecessária ao belo traço do Ezquerra.

juiz_dredd_internas1

Em “Juíz Dredd: Origens”  a Editora Mythos fez um trabalho competente, em uma edição que além da história, conta ainda com alguns esboços do Ezquerra. Esse quadrinho dá orgulho de ver na estante.

nota_sakura_juiz_dredd

E você, o que achou?

Juiz Dredd: Origens ̵...

“Uma encomenda incomum é  entregue no Supremo Tribunal de Justiça, um pacote que forçará ...
Leia Mais

Receita: Caldo Caseiro de Frango

Sou fã de caldo caseiro, prefiro fazer em casa com os temperos que eu quero a comprar os prontos no mercado e com muitos conservantes.

Não é uma receita rápida, mas com certeza, é uma receita que vale a pena.

Quanto mais tempo você deixar o caldo no fogo, mais encorpado e saboroso ele vai ficar.

Receita Caldo Caseiro de Frango:

– 2 carcaças de peito de frango

– 1 alho inteiro

– 1 cebola cortada em fatias grandes

– 2 talos de alho poró cortados ao meio

– 2 cenouras cortadas

– Salsinha

– 1 colher de chá de pimenta

– 1 colher de chá de tomilho

– 1 colher de chá de sálvia

– sal e pimenta dedo de moça a gosto

caldocaseiroingredientes

Para preparar o caldo é só colocar todos os ingredientes em uma panela bem grande com 5 litros de água. Deixar no fogo baixo por 6 horas. Isso mesmo minha gente, 6 HORAS! Você coloca tudo no fogo e esquece, volta só no final do dia. hahaha

caldocaseironapanela

caldocaseiropronto

Durante o processo a casa toda fica deliciosamente cheirosa, o caldo caseiro é encorpado e muito saboroso. Dá um sabor super especial a qualquer receita que você fizer.

Como eu disse, quanto mais tempo você deixar no fogo, mais gostoso ele fica e, consequentemente, menos caldo você terá no final. Para 5 litros de água, no final, você consegue umas 3 xícaras de caldo (aproximadamente 600 ml)

Você pode guardar ele na geladeira por 4 dias ou congelar por até 3 meses.

Receita: Caldo Caseiro de...

Sou fã de caldo caseiro, prefiro fazer em casa com os temperos que eu quero a comprar os prontos no...
Leia Mais