post-viagem-japao

Fonte: Flickr/davidgsteadman

Você já deve ter visto aqui no blog e no canal sobre a viagem ao Japão e as principais coisas para fazer por lá, afinal esse país é rico em atrações e cheio de lugares lindos e divertidos. Porém hoje vamos falar sobre algumas coisas que podem parecer um pouco incomuns aos turistas tradicionais ou até não tão atraentes a um primeiro olhar, mas que são muito populares entre os próprios japoneses e fazem parte da rotina de lazer e entretenimento desse povo.

Dentre essas atividades que eles gostam de fazer nas horas vagas, um dos programas favoritos dos japoneses é cantar em karaokês. Isso é levado tão a sério que faz com que o país possua a mais alta tecnologia em relação ao assunto: aparelhos supermodernos que elevam a dificuldade da brincadeira a um nível quase que profissional.

viagem-japao-dicas

Fonte: Flickr/DocChewbacca

Se você for ao Japão, não pode perder a oportunidade de ir a uma casa de Karaokê – e se sua desculpa para fugir dos palcos for a língua, pode arranjar outra, pois eles possuem um lineup recheado com os principais sucessos do mundo todo. Se a vergonha lhe impedir, apenas assistir aos outros cantando já garante a diversão da noite!

Falando em coisas para fazer a noite que os nativos adoram, dentre elas está jogar em casas de Pachinko. Se você acha que Macau é o único destino asiático para o entretenimento adulto, mesmo sendo o mais procurado por turistas e sede de muitos torneios, está enganado. Quem curte apostas pode experimentar esta paixão nacional que consiste em um dos jogos mais tradicionais do país, e é uma mistura de pinball com slot machine. As casas de Pachinko são comparáveis aos cassinos de Las Vegas, sendo que uma das maiores do Japão tem quatro andares e se chama Big Apple, e fica localizada no bairro de Akihabara, em Tóquio. Outro bairro para encontrar as casas de Pachinko é o Shinjuku.

viagem-japao-dicas-turismo

Fonte: Wikimedia

Um dos lugares irresistíveis para compras são os 100 Yen Shops, ou Hyaku yen shopu, em que você encontra literalmente tudo (cosméticos, snacks, utensílios de cozinha, itens de jardinagem e todo o tipo de bugiganga) e o melhor, por apenas 100 Yens (aproximadamente R$ 2,70)! Elas estão espalhadas pelo país e há diversas redes diferentes, como a Seria e a Daiso, que fazem muito sucesso por lá. Aliás, a Daiso está presente no Brasil também, fica a dica. Essas lojas  se assemelham às nossas de R$1,99, mas se destacam pela qualidade (mesmo!) e variedade dos produtos.

doces-comidas-japao-viagem

Fonte:Flickr/Andrea Schaffer

Outra coisa que se assemelha a algo que conhecemos, mas tem um toque especial são as Purikura, cabines de fotos instantâneas que são febre entre os jovens, nas quais é possível personalizar amplamente as imagens – sério, dá pra fazer de tudo com as ferramentas de edição e filtros disponíveis! Tudo bem que os aplicativos de celular fazem isso hoje em dia, mas é bem divertido tirar fotos dentro uma máquina, junto dos amigos e ainda imprimir sua foto na hora!

purikura-cabine-de-fotos-japao

Fonte:Flivckr/Laurent Neyssensas

Também é um belo jeito de registrar a sua passagem pelo país. Para usar essas cabines, que geralmente são temáticas, basta entrar, seguir as instruções da tela, fazer as poses (tem que ser ágil já que o intervalo entre os flashes é curto) e depois colocar fundos, textos, colagens…Fica bem legal!

Por fim, outra forma de mergulhar no universo e realidade dos japoneses é assistir a uma luta de sumô. Esse é um dos esportes mais famosos do país e tradição milenar japonesa. Algumas lutas podem parecer meio confusas quando você não é um local, mas, com certeza, esta será uma experiência diferente!

turismo-sumo-japao

Fonte: Flickr/Better Than Bacon

Este programa consiste em uma verdadeira imersão cultural, já que preserva os mesmos rituais e regras de quando surgiu; Porém, fora da época de campeonatos pode ser difícil encontrar uma luta para assistir, mas você pode acompanhar uma sessão de treino para ter um gostinho do esporte – a maioria das academias fica no bairro de Ryogoku.

O Japão possui uma rica e imensa riqueza cultural que vai além do óbvio – a tecnologia. Aqui, você pode descobrir o que há além do que chega aqui no ocidente. Caso tenha a sorte de visitar a terra do sol nascente em alguma oportunidade, não perca a chance de experimentar o Japão como um nativo!