A St. Ives é uma marca baratinha que eu conheci há uns anos nos mercados dos Estados Unidos e se tornou a marca preferida para esfoliante facial.

Comprei sem saber nada sobre o produto, o que me chamou a atenção foi o preço, menos de 10 realezas numa bisnaga grande. Daí depois de testar foi só amor e desde então, toda vez que viajo aproveito para comprar alguns esfoliantes diferentes.

resenha-esfoliante-facial-st-ives-blackhead-clearing

esfoliante-st-ives-blackhead-clearing-review

resenha-st-ives-esfoliante-facial

esfoliante-facial-st-ives-resenha

A bisnaga é de plástico, resistente e tem 170g de produto. Por conta da tampa ficar embaixo, não acho legal para ser um esfoliante de banho, porque pode acumular água por dentro e mudar a consistência. O principal ingrediente desse aí é o chá verde que acalma e limpa profundamente sem agredir a pele. Confesso que comprei por conta do “blackhead clearing” (limpeza dos poros) porque meu nariz parece um moranguinho de tantos cravos!

O que eu mais gostei foi a textura, é bem levinha e tem micro partículas esfoliantes, muuuuito miudinhas mesmo que você só consegue perceber a eficiência quando espalha na pele. As partículas não são tão duras a ponto de machucar a sua pele e nem redondinhas demais que não esfolia nada. Como diz na embalagem, o grau de esfolianção é moderado. Pra mim foi a medida ideal. O sabonete não faz nenhuma espuma e não tem detergentes fortes na fórmula.

blackhead-clearing-esfoliante-st-ives-cha-verde

esfoliante-facial-st-ives-cha-verde

blackhead-clearing-st-ives-esfoliante-facial

ingredientes-esfoliante-facial-st-ives

O tamanho da embalagem se mostrou necessário após as aplicações, porque pra você conseguir trabalhar bem em cada parte do rosto, é preciso de uma quantidade generosa de produto. A concentração de ácido salicílico é bem baixa, por isso a pele não fica ressecada após o uso. E mesmo quando eu peso a mão pra esfoliar bem muito, a pele não fica judiada e nem avermelhada (o chá verde ajuda bastante nessa questão). A fragrância é suave e fresca, não incomoda e nem permanece na pele. O resultado é uma pele mais clarinha e livre de impurezas. Os cravos mais profundos não saem durante o processo de esfoliação, mas já dá uma clareada bacana.

Como se trata de um esfoliante leve (mas potente) pode ser usado todos os dias, mas é claro que isso depende muito da sua pele. Costumo usar um dia sim, um dia não e nunca substituo pelo sabonete facial convencional, essa é uma etapa extra que faço nesses dias após a limpeza do rosto. A St. Ives tem um portfólio de esfoliantes bem bacana e oferece tratamentos específicos para todos os tipos de pele.

Costumo pagar entre 4 a 6 dólares, e compro no Walmart ou na Target.